Escola Superior Agrária de Castelo Branco

esacb1

A Escola Superior Agrária de Castelo Branco foi criada pelo Dec. Lei n.º 513-T/79 de 26 de Setembro e a sua primeira Comissão Instaladora foi nomeada em 29 de Setembro e 1980, através do despacho n.º 329/80 (DR II Série n.º 225).

Os cursos ministrados na ESACB proporcionam aos alunos uma sólida formação científica, técnica e prática, visando o exercício de atividades profissionais nos domínios das Ciências Agrárias, Animais e Florestais, dos Recursos Naturais e do Ambiente e da Proteção Civil, articulando os conhecimentos teóricos com a realidade prática, incentivando o espírito de observação crítico e motivando os alunos para a experimentação e a pesquisa, sempre com o objetivo de que a Engenharia consiga dar resposta aos problemas do dia-a-dia da nossa Sociedade.

 

Infraestruturas

A Quinta da Senhora de Mércules (166 ha), onde está instalada, a ESACB dispõe de Parque de máquinas com diferentes oficinas, estufas de horticultura e floricultura, pomares, com 50 ha Olival, Vinha experimental, Vacaria (Unidade Técnica – Bovinicultura ), estábulo para engorda de novilhos, Ovil para 300 ovelhas (Unidade Técnica – Ovinicultura e Caprinicultura ), Picadeiro (Unidade Técnica – Equinicultura), Suinicultura em extensivo (Unidade Técnica – Suinicultura ), Área de sequeiro e área de regadio, Parque botânico com cerca de 4000 árvores em 22 há, Arboreto com cerca de 440 árvores de espécies diferentes, Viveiro florestal com uma estufa de ambiente controlado, Reserva de caça. A Escola Superior Agrária dispõe, nas suas instalações, dos seguintes meios de apoio: Centro de Investigação em Zoonoses, Laboratórios: Biologia, Parasitologia, SIG/CAD, Microbiologia, Protecção Vegetal, Solos e Fertilidade.

esacb3

Comments are closed